segunda-feira, 17 de setembro de 2012

MINHAS



Vento me leva , parada, estagnada, todo mundo me olha, mas eu já não estou . Rodopiando entre sonhos , eu me molho na chuva que nem caiu, o sol até queima , mas só quando deixo. Corto meu rosto nas folhas secas que também voam , existem as flores e construo arranjos, sou dama , noiva , florista. Vejo paisagens, e formo cenários que ninguém conheceu... Sem nenhuma bagagem , passaporte invisível, essas são as minhas viagens . 


14 comentários:

  1. O vento que a leva
    E que a faz rodopiar
    Para de junto quem ama
    Para melhor poder amar!

    Boa noite para você,
    beijinho
    Eduardo.

    ResponderExcluir
  2. ´desconfiai do mais trivial,
    na aparência singelo
    e examinai, sobretudo, o que parece habitual
    suplicamos expressamente:
    não aceiteis o que é de hábito como coisa natural,
    pois em tempo de desordem sangrenta,
    de confusão organizada,
    de arbitrariedade consciente,
    de humanidade desumanizada,
    nada deve parecer natural
    nada deve parecer impossível de mudar.´
    (Bertold Brecht)


    (que as flores embelezem teus dias)

    Beijo

    ResponderExcluir
  3. Linda viagem... Ótima noite,beijos,chica

    ResponderExcluir
  4. Oi,Yasmine!E que tudo de bom florei nessa primavera!
    Beijossss

    ResponderExcluir
  5. Poetisa! Que me encantas!
    Que belo são teus versos Yasmine...
    "todo mundo me olha, mas eu já não estou ( ... ) sou dama , noiva , florista. Vejo paisagens, e formo cenários que ninguém conheceu... Sem nenhuma bagagem , passaporte invisível, essas são as minhas viagens . "

    Gratidão.

    ResponderExcluir
  6. E que lindas são as tuas viagens!
    Boa noite menina poetisa, suave maneira
    de se revelar em tuas viagens, adorei!
    Abraços carinhosos!

    ResponderExcluir
  7. Uma viagem fantastica por sinal Yasmine.
    Gosto do Leoni,muito bom.
    Uma bela semana a voce.
    Abraços.
    Bjo.

    ResponderExcluir
  8. No sé qué me gustó más... si tu texto o la música!

    Siempre es un gusto pasarme por tu blog amiga!

    un abrazo!

    ResponderExcluir
  9. Oi Yasmine!
    Viagens possíveis entre o real e o imaginário! Que belas viagens!
    beijinhos e tudo de bom!

    ResponderExcluir
  10. E essas são as melhores viagens...
    Beijos

    ResponderExcluir
  11. Viagens particulares, destinadas a si mesmo, mas que nos pegam em detalhes, nos acrescentam entre sonho e realidade.

    Ótimo, beijos, tenha uma ótima noite.

    ResponderExcluir
  12. Viagens intensas, cercada de natureza, hora suave, hora revolta, criando os cenários dos sonhos pedidos, riscados no mapa turístico da vida.
    Aproveite a viagem, Yasmine.
    Bjos,
    Calu

    ResponderExcluir
  13. Hoje acordei na fúria dos deuses
    O céu da ilha cobriu-se de espanto
    Uma triste nuvem plantou-se sobre a minha cabeça
    E verteu uma lágrima de pranto

    Hoje acalentei uma esperança tonta
    Uma ideia já morta
    Um sentimento perdido na espuma
    Numa ansia que já havia fechado a porta

    Hoje é hoje
    O amanhã mais um tempo triste de um coração
    Hoje é apenas o perverso andamento do relógio
    Hoje esqueci toda e qualquer oração



    Doce beijo

    ResponderExcluir

Amor e Paz

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...