segunda-feira, 27 de agosto de 2012

REFÉM




Hoje a palavra está crucificada, presa, agoniza sem querer ser. Como um algoz massacrando o que deseja nascer e não deixo, porque a palavra também pode condenar. Nas entrelinhas nem eu sei o que ela quer dizer, sinto que preciso dela, menos do silêncio. O silêncio não, ele escreve com formas cortantes, ele crava espinhos na alma, deforma qualquer sentido e vontade de nascer um pensamento. A palavra também é silenciosa, mas há barulho nas coisas do mundo quando ela passa a existir, dá forma aos sentimentos. Eu prendo a palavra quando quero, mas na realidade sou uma eterna refém de sua força.

10 comentários:

  1. Na palavra cabe um mundo de sentidos. Boa semana. Bjs

    ResponderExcluir
  2. Precisamos delas pra nos expressar!Lindo!beijos,chica

    ResponderExcluir
  3. Lindo, Yasmine! Muito lindo! Todos que gostam de escrever acabam se tornando reféns da palavra que, às vezes, teima em sair torta, outras com uma precisão absurda!

    Adorei, querida! Deixo aqui o meu carinho e o desejo de uma semana ricamente abençoada!

    ResponderExcluir

  4. Oi minha querida,

    Seu texto me deu certa "agonia".
    Há palavras que não podem ser substituídas pelo silêncio. Devem desabrochar.

    Beijão.

    ResponderExcluir
  5. Uma só palavra pode "dizer" muita coisa, portanto, todo cuidado ao dizê-la é pouco. Lindo texto, Yasmine. beijos e linda semana.

    ResponderExcluir
  6. Querida...não sufoque suas palavras...você tem um lindo dom! Ser poeta não é para qualquer um!

    Mas as vezes o silêncio é a melhor arma para organizar os pensamentos...

    Beijinhos Iluminados!!
    Paz e Luz!!

    ResponderExcluir
  7. Minha amiga que delícia suas palavras.
    deslizei nelas.
    Boa semana
    Xero

    ResponderExcluir
  8. Agoniza sem querer
    Não se deixe agonizar
    Sua luta sempre vencer
    Ter um amor para amar!

    A agonia da felicidade
    Encontrada com o amor
    No jardim da liberdade
    Mora o cravo e a flor!

    Na mulher a beleza
    Na flor o perfume
    Não viva com tristeza
    Por causa do ciúme!

    Boa noite para você,
    amiga Yasmine Lemos, e bons sonhos
    um bjo
    Eduardo.

    ResponderExcluir
  9. Oi,Yasmine!Lendo seu texto lembrei do texto escovar palavras do Manuel Barros leia é lindo!!AS palavras tem muito poder e se tem!!
    Beijossss

    ResponderExcluir
  10. Filha da Palavra Viva!

    Bjao de Boa noite!

    ResponderExcluir

Amor e Paz

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...