quarta-feira, 25 de maio de 2011

VOO CEGO


Parede invisível

Poeta cego

Palavras se esbarram

Despedaçadas ao vento

Em gritos abafados

Versos me reclamam sem jeito:

- Nosso pouso é naquele peito...


Ivan Lins : Acaso

11 comentários:

  1. Oi Yasmine!
    O poeta é cego, mas tem um baita coração e dele saem palavras que tocam fundo na alma!
    beijão!

    ResponderExcluir
  2. Pode até ser cego, mas vê muito mais do que a imaginação.
    Xeros

    ResponderExcluir
  3. Oi, Yasmine
    Pode até ser cego, mas escreve muito bem!Amei o post e a imagem teve sincronia total. Bjkas com muito carinho!

    ResponderExcluir
  4. Boa noite menina poetisa, que o poeta seje cego, acredito que ve coisas que ate DEUS duvida, e sua sensibilidade deve ser tao aguçada, que sabe muito bem descrever com o coração, o que vai em tua vida...
    Menina poetisa, ja postei algo em meus blogs., mas confesso, ando sem inspiração, logo, logo, em caio em reverso nos meus versos e sabe la o que dira meu coração...bjin

    ResponderExcluir
  5. Palavras são afetos que recebemos quando estamos a desfalecer na queda.
    Um ombro amigo , é neles que me protejo.
    boa noite Yasmine
    lindo pooema
    beijinhos

    ResponderExcluir
  6. Isso é que é voar em céu de brigadeiro. Que delícia, Yasmine!

    Bom dia! Paz e bem.

    ResponderExcluir
  7. Que lindo,Yasmine!!!Belo voo!beijos e uma dia super legal!chica

    ResponderExcluir
  8. E assim recbemos preciosos versos que brotam do peito.bjs

    ResponderExcluir
  9. As palavras só fazem sentido, quando são sentidas.
    Bjux

    ResponderExcluir
  10. Têm dias que nem nossas palavras sao suficientes para preencher as lacunas.... lindo poema!

    ResponderExcluir
  11. Yasmine

    Poeta é ser cego para as barreiras que se interpõe entre o Ser e o Amar.

    Saí de "A Viagem" sem ver as paredes e para te dar os Parabéns.

    SOL da Esteva
    http://acordarsonhando.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Amor e Paz

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...